A importância do EaD no ensino superior: fotografia de uma estudante fazendo aula online.

Entenda a importância da EaD para o ensino superior

A educação a distância no Brasil teve seu início no século XX, em função do processo de industrialização que demandou a formação do trabalhador para o labor industrial. Atualmente, a importância da EaD para o ensino superior só aumenta e, consequentemente, as oportunidades para as IES no que diz respeito a cursos a distância são cada vez maiores.

A expansão da modalidade até os dias atuais se deu em três fases. A primeira fase ocorreu com o início dos cursos por correspondência, onde eram enviados aos estudantes materiais impressos em suas próprias residências. 

Na segunda fase, que aconteceu por volta de 1970, agregados aos materiais impressos surgiram os primeiros programas de televisão, um exemplo que caracteriza esse momento foi o Telecurso. 

A terceira e última geração, que permanece até os dias atuais, é caracterizada pelo advento da tecnologia e de sua integração, possibilitando que as IES adotem ferramentas cada vez mais preparadas para a realização de cursos a distância.

No artigo de hoje, você entenderá ainda mais sobre a importância da EaD para o ensino superior, o cenário brasileiro e por que a sua IES precisa estar preparada para esse formato de ensino. Confira!

Entenda a importância da EaD para o ensino superior no Brasil

Com a grande procura pelo ensino a distância no país, centenas de cursos superiores foram autorizados pelo MEC para essa modalidade. 

Os cursos de licenciaturas, como é o caso do curso de pedagogia, são os mais procurados, seguido pelos cursos superiores de tecnologia (tecnólogos) e o bacharelado. O crescimento da EaD reflete os novos conceitos da educação e a sua descentralização.

A cada ano, a tendência é que o número de estudantes matriculados nessa modalidade aumente. Afinal, o ensino a distância proporciona diversos benefícios aos estudantes, como:

  • flexibilidade: um dos principais fatores para a busca da EaD é a possibilidade de assistir as aulas onde e como quiser. Para estudantes que trabalham durante todo dia, a disponibilização de aulas e atividades que possam ser realizadas em outros momentos e locais é um grande benefício. Além da comodidade de horários, também existe a comodidade de local: o estudante não necessita se locomover até a IES, proporcionando uma economia de tempo e dinheiro.
  • Facilidade de acesso: para estudar, além da vontade de aprender, os estudantes necessitam de internet e um dispositivo para acesso, seja ele um computador ou um celular. Eles conseguem visualizar as aulas, tirar dúvidas com professores e tutores, além de interagir com outros estudantes.
  • Custo-benefício: a descentralização do ensino auxiliou na inclusão de novos alunos no ensino superior. A modalidade EAD possui um investimento menor do que a modalidade presencial, oferecendo a mesma qualidade de ensino. 
  • Modernidade: as aulas e atividades disponíveis nas plataformas EaD não são mera reprodução das aulas presenciais. Com o advento da tecnologia, as aulas se tornaram dinâmicas, interativas e modernas, dinamizando o processo de ensino-aprendizagem. 

Veja os benefícios da EaD para a IES

Mas a importância da EaD para o ensino superior não está relacionada apenas aos benefícios percebidos pelos estudantes. As IES também ganham muito com essa modalidade!

Confira algumas das vantagens para as instituições de ensino:

1. Ampliação do mercado

Os estudantes que residem fora das regiões com instituições de ensino conseguem optar por realizar o curso em uma IES de sua escolha. Assim, a eliminação das barreiras físicas aumenta a capacidade de captação de novos alunos.

2. Acessibilidade

A IES consegue atender de forma igualitária estudantes com deficiências físicas e mentais ou condições que possam dificultar o aprendizado, proporcionando conforto e autonomia em sua rotina de estudos.

3. Economia

O investimento realizado na tecnologia necessária para implementar a EaD retorna de forma rápida. Afinal, um mesmo material atende vários estudantes de forma única, fazendo com que a modalidade seja uma opção financeiramente viável e vantajosa para a instituição de ensino.

Saiba como preparar a IES para oferecer cursos EaD

Como você pôde perceber ao longo deste artigo, o ensino à distância é um elemento facilitador para a relação aluno-instituição de ensino. 

Porém, para que que a implementação dessa modalidade aconteça da melhor forma na IES, alguns requisitos devem ser observados, são eles:

1. Planejamentos dos cursos oferecidos

É necessário definir os cursos que serão oferecidos e quais as opções mais procuradas pelo público-alvo da IES, além de verificar as fraquezas do mercado para se destacar nas oportunidades. 

Após a definição dos cursos, as grades curriculares e professores devem ser selecionados de forma rigorosa, a fim de proporcionar ao estudante um ótimo custo-benefício.

2. Logística dos cursos

Após a definição dos cursos, é imprescindível definir a logística envolvida, como duração e materiais necessários.

3. Equipamentos necessários

A IES deve se atentar para proporcionar ao aluno uma tecnologia de ponta, disponibilizando recursos eficientes que vão além das aulas online. A biblioteca digital e a plataforma de aprendizagem, por exemplo, são fundamentais para enriquecer a experiência do estudante.

Esperamos que você tenha entendido ainda melhor a importância da Ead para o ensino superior. Aproveite para conferir também o nosso artigo sobre 8 metodologias de ensino inovadoras que você pode levar para a sua IES!

Banner de divulgação do ebook: como criar cursos EaD no ensino superior. Link para download gratuito: https://materiais.saraivaeducacao.com.br/ebook-criacao-de-cursos-ead-ensino-superior?utm_source=blog&utm_medium=banner-artigo&utm_campaign=material-rico

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *