A importância do letramento digital para captar novos alunos nas IES

Você sabe como combinar inovação e letramento digital para atrair mais alunos à sua IES? Clique aqui e descubra como!
Imagem de um computador em videochamada

A cultura digital tem promovido mudanças sociais significativas na sociedade, em consequência do avanço e da multiplicação das tecnologias de informação e comunicação.

Pelo crescente acesso a essas novas tecnologias, e pela maior disponibilidade de computadores, telefones celulares e tablets, os estudantes estão cada vez mais inseridos nessa cultura. 

Os jovens têm se envolvido cada vez mais como protagonistas da cultura digital, abraçando diretamente as novas formas de interação multimidiática e de atuação social em rede. Essas novas interações se realizam de modo cada vez mais ágil, especialmente dentro das instituições de educação superior (IES). 

Pensando nisso, preparamos esse artigo. Vamos auxiliar sua instituição na captação de alunos com foco em tecnologia, inovação e letramento digital.

Vamos lá?

Mas afinal, o que é o letramento digital?  

O letramento digital é uma apropriação do letramento tradicional já existente na educação brasileira, desde 1980, sendo aplicada ao mundo digital. A partir dele, é possível exercer as práticas de leitura e de escrita utilizando ferramentas tecnológicas.

Portanto, se antes os alunos liam e aprendiam através de conteúdos didáticos impressos em papel, hoje esse quadro mudou significativamente com a inclusão das tecnologias nas instituições de ensino.

Além do mais, sabemos que desde março de 2020, em decorrência do Covid-19, o ensino superior a distância ganhou os espaços ainda maiores devido aos protocolos de distanciamento físico. 

Isso gerou uma necessidade urgente de uma reestruturação do ensino presencial. Esse fenômeno demandou possibilidades alternativas de ensino em um curto espaço de tempo. Foi nesse contexto que o letramento digital ganhou ainda mais ênfase.

Leia também: Educação pós-pandemia: cenário e como superar os desafios na IES

Qual a importância da tecnologia, inovação e letramento digital na IES?

Quando falamos sobre educação, a tecnologia se faz necessária para subsidiar o professor em ações estratégicas e práticas inovadoras, principalmente quando coloca o estudante como protagonista no processo de aprendizagem e possibilita a reflexão e o diálogo entre os pares e o professor. 

Com as novas tecnologias, é possível acessar informações a qualquer momento, inclusive fora do horário de aula. Nesse contexto, o letramento digital vem se destacando e sendo bastante debatido dentro das instituições de ensino. 

Cada vez mais, as IES estão adotando metodologias modernas de ensino. A educação do futuro vem prometendo um ensino mais atrativo e cada vez mais personalizado.

A tecnologia digital pode contribuir para melhorar a qualidade na educação superior. Ela proporciona um processo transparente que pode apresentar formas diversificadas na avaliação e no controle, contribuindo com a melhoria contínua em curto espaço de tempo.

Como implantar o letramento digital nas instituições da maneira correta?

Agora que sabemos sobre a importância do letramento digital, precisamos aprender a implantá-lo da forma correta. Assim, essa modalidade de ensino pode funcionar de verdade e ser um diferencial na sua instituição.

Vamos apresentar, portanto, três dicas essenciais para trabalhar o letramento digital em sua IES!

1. Capacitação de professores

Primeiramente, precisamos oferecer uma capacitação para que os professores dominem esses novos recursos tecnológicos. 

É preciso pensar em cursos de capacitação para o conteudista, que desenvolvam temas como: produção de material, uso de estúdio, linguagem e outras ferramentas importantes para o bom desenvolvimento da sua aula síncrona e assíncrona.

Leia também: Guia completo de conteúdos digitais: do conceito à elaboração

2. Espaço bem estruturado 

É importante também ter uma boa estrutura nos espaços da IES, pois estes colaboram essencialmente no que diz respeito à educação digital

Os espaços devem ser inovadores, apropriados, e incentivar o uso da tecnologia. É primordial que existam plataformas virtuais de aprendizagem, laboratórios de informática, lousa digital, tablets etc., que possibilitem a flexibilidade de uso.

Um ambiente de interatividade entre professores que também fomente comunidades práticas é um diferencial. Ou seja, o diálogo e o compartilhamento das experiências de práticas inovadoras são extremamente importantes.  

3. Equipe administrativa

Para que tudo isso seja possível, é adequado ter uma equipe administrativa para ajudar nessa estruturação e auxiliar os professores quando necessário, visando sempre a uma melhor relação entre professor e aluno.

É necessário ter uma equipe preparada que entenda a necessidade de ressignificação da prática pedagógica tradicional. Em outras palavras, essa equipe precisa atingir os alunos do novo século. 

Por que é importante desenvolver o letramento digital na IES?

Em resumo, o letramento digital estimula a curiosidade e a aprendizagem dos estudantes, tornando o ensino mais engajador e eficiente.

A seguir, nós vamos citar em maiores detalhes quatro motivos extremamente relevantes sobre a importância do letramento digital nas IES.

1. O aluno como protagonista

O aluno protagonista é aquele que já chega para as aulas com conhecimentos que antes eram apresentados somente pelo professor, e isso visivelmente se intensificou na educação a distância (EaD). Mas por quê? 

Essa postura ativa dos estudantes evidenciou-se com a educação digital. Isso porque, nessa metodologia de ensino, a sala de aula não é necessariamente o local de partida no processo de ensino-aprendizagem.

É comum perceber que, após uma aula remota, os alunos buscam ampliar seus conhecimentos sobre o tema na internet, em vídeos, filmes, séries e artigos que trazem dados novos e informações complementares. 

Diante desse perfil, a utilização de metodologias ativas, somadas aos momentos de estudo individual, apresentam ótimos resultados na formação dos alunos com perfil de protagonistas.

2. Personalização do aprendizado

A personalização do ensino é uma possibilidade fortíssima do letramento digital, e que pode ser utilizada como um grande diferencial entre as instituições. Ela contribui para contemplar todo o corpo estudantil em sua diversidade, aproveitando os pontos fortes de cada aluno.

Trazer o ensino para o campo digital e atribuir a esse processo qualidades individuais é um processo desafiador. Mas ao mesmo tempo, quando bem trabalhado, é uma ferramenta muito potente.

As ferramentas digitais são parte da forma como interagimos entre nós, com os outros e com o mundo, inclusive no âmbito da educação.

3. O aluno cada vez mais autônomo 

Existem muitos indicativos de que os alunos que sabem exercer, de forma correta, a liberdade oferecida dentro das IES conseguem um rendimento melhor.

Certamente, essa liberdade deve vir acompanhada de um senso de responsabilidade, e isso gera autonomia. Os estudantes só podem ser autônomos se tiverem consciência dos riscos que correm e da importância de se dedicar aos assuntos trabalhados nas aulas.

Quando é dada essa liberdade, geralmente, os estudantes descobrem quais são os melhores caminhos para utilizar os recursos digitais em favor do seu aprendizado.

Se um aluno não fica limitado aos conteúdos oferecidos em aula, ele pode se aprofundar neles buscando mais informações e assuntos relacionados, por conta própria. Favorecemos também, portanto, a autorregulação da aprendizagem.

4. Maior engajamento do aluno nas aulas

Um dos grandes desafios para os professores, desde sempre, é saber como chamar atenção dos alunos. Os estímulos, hoje, vêm de todos os lados, e as novas tecnologias, tão abordadas pelos especialistas em letramento digital, têm uma função importante nesse cenário.

Quando uma Instituição oferece algo que os alunos se interessem e gostem, o engajamento ocorre de forma natural e o comprometimento é muito maior. Por meio disso, pode-se ver a construção de sujeitos mais autônomos e engajados na obtenção de resultados.

Em vez de enxergar os smartphones como inimigos durante as aulas, é preciso identificar todo o potencial que esses aparelhos têm para promover o processo de aprendizagem. Esse é um exemplo de percepção que é incentivada pelas práticas de letramento digital.

Leia também: Como aproveitar o celular na sala de aula no ensino superior?

Quais são os impactos do letramento digital na captação de alunos?

O letramento digital é uma metodologia que revoluciona, a todo tempo, o processo de aprendizagem, trazendo praticidade, autonomia e protagonismo ao aluno. Mas você já pensou em como ela pode ser uma das suas estratégias para captação de alunos

Uma instituição que utiliza o letramento digital de forma inovadora e pedagógica aproxima os alunos da rotina estudantil, cria vínculos e gera intimidade. 

Isso, com toda a certeza, eleva as expectativas estudantis e potencializa o sonho de alçar voos ainda mais altos na jornada acadêmica. Os alunos, assim, conseguem enxergar um milhão de possibilidades que vão além do que é demonstrado em uma sala de aula.

O letramento digital envolve de forma mais profunda os alunos na jornada acadêmica e faz com que estes queiram participar ainda mais ativamente do processo de ensino e aprendizagem. E sem dúvidas, sabemos que um aluno motivado é um aluno que vê a instituição como parte essencial da realização de seus objetivos.

Como trabalhar uma comunicação que alia a inovação à atração de novos alunos?

A tecnologia faz com que o diálogo seja mais ativo e mais rápido entre a instituição e os alunos, e consequentemente, isso ajuda a evitar falhas de comunicação.

Hoje vivenciamos uma era que busca praticidade em quase tudo o que fazemos, e com os estudos isso não poderia ser diferente. 

Sendo assim, os alunos querem que as instituições consigam atender às necessidades práticas dessa geração. Para isso, uma solução extremamente eficaz e atrativa é a existência de aplicativos acadêmicos de estudos e de comunicação interna que realmente funcionem, com a finalidade de ajudar o aluno no acompanhamento da rotina de estudos. 

Esses novos recursos tecnológicos contribuem na divulgação da marca da instituição, pois estar presente em serviços que estão ‘’ao alcance da palma da mão’’ traz visibilidade. Para além disso, dá credibilidade, mostrando não ser uma organização obsoleta, o que sem dúvidas, atrai novos alunos.

Leia também: Adaptando-se aos novos tempos: descubra como os nativos digitais aprendem!

Como destacar sua IES usando o letramento digital?

Nós já sabemos que o letramento digital é uma metodologia de ensino que está dominando o mundo, certo? Mas ele precisa ser utilizado de maneiras diferentes e inovadoras, de acordo com o objetivo e o propósito de cada IES.

Com isso, é necessário ressaltar que quando todas as instituições de ensino utilizam a tecnologia como um diferencial, só se destacam de verdade aquelas que conseguem demonstrar o seu uso pedagógico. 

Veja abaixo 4 dicas para ser um destaque usando a tecnologia de letramento digital:

  1. Demonstre como cada recurso aplicado pode ter um impacto positivo na aprendizagem dos estudantes;
  2. Mostre que o letramento digital é uma solução de ensino que contribui para a aprendizagem;
  3. Procure destacar não a tecnologia, mas os benefícios que ela traz ao aluno;
  4. Utilize dados educacionais para personalizar o ensino. Uma instituição que coleta e interpreta dados possui um recurso valioso — mas é preciso se atentar à aplicação da LGPD na prática (Lei Geral de Proteção de Dados).

Dessa forma, a partir de um encontro de sensibilização, os professores descobrirão a necessidade de ressignificar a própria prática pedagógica, visando a atingir os alunos do novo século de uma forma assertiva. 

Como usar as novas tecnologias para a captação de alunos? Confira 3 dicas essenciais

Em tempos onde a tecnologia domina, é fundamental investir na captação de alunos novos utilizando recursos tecnológicos. 

Adotar um sistema de gestão de relacionamento com o cliente é uma importante estratégia. Especialmente para reunir e manter informações seguras e atualizadas sobre todas as pessoas interessadas envolvidas com as IES.

A seguir vamos dar 3 dicas para captar alunos usando a tecnologia: 

1. Automação de marketing

Essa é uma das principais tecnologias que podem ser aplicadas por instituições de ensino. Com ela, diversas tarefas que costumam tomar grande tempo dos profissionais são delegadas para um software. 

Enviar e-mails, agendar publicações em redes sociais, controlar o fluxo de nutrição de leads e muitas outras dessas tarefas podem ser automatizadas.

Com o seu uso, consequentemente aumentamos a produtividade da equipe e sem dúvidas, auxiliamos na captação de novos alunos. 

2. Chatbots

Os chatbots são importantes aliados no processo de atendimento, afinal, permitem iniciar um contato com os alunos de forma imediata, sem deixá-los muito tempo esperando. 

A ferramenta também é empregada no fornecimento de respostas rápidas para questionamentos comuns do seu público. Mas é importante continuar também com a prerrogativa de atendimento presencial.

3. Big Data

O Big Data coleta e analisa um grande volume de dados, estruturados ou não, e assim, propicia uma visão mais ampla de qualquer negócio. Por isso, as ferramentas de Big Data são de grande importância na definição de estratégias de marketing. 

Com elas é possível, por exemplo, aumentar a produtividade, reduzir custos e tomar decisões de negócios mais inteligentes. 

Esperamos que este artigo tenha te ajudado a entender melhor como utilizar o letramento digital como estratégia de captação de alunos em sua IES. Que tal aproveitar e conferir também nosso conteúdo sobre o funil de captação?

Você também pode gostar

Curso de Direito EaD?
A Saraiva Educação preparou várias trilhas de aprendizado explicar como implementar na sua IES.

Artigos em destaque

Inscreva-se em nossa newsletter e receba nossos conteúdos em primeira mão!

Deseja manter-se sempre atualizado? Receba quinzenalmente uma seleção de materiais sobre a educação superior — é só informar seu melhor endereço de e-mail!

[KIT GRATUITO]

Advogado do futuro: dicas para preparar os estudantes de sua IES

Em comemoração ao Dia do Advogado, criamos um kit de materiais gratuitos com os nossos principais conteúdos para que a sua IES apoie os advogados em formação.