Estratégias de metodologia ativa: fotografia de pessoas desenvolvendo um projeto em grupo, sentadas à mesa e com vários papéis com gráficos.

Veja 8 estratégias de metodologia ativa para você aplicar em sua IES

Entre os profissionais da área de educação, a importância das metodologias ativas para o processo de aprendizagem nos dias atuais não é uma novidade. Afinal, essas estratégias são responsáveis por tornar o aluno o personagem principal na construção do conhecimento.

Sendo assim, as principais características desse modelo de ensino são:

  • a participação ativa dos alunos em seu processo de aprendizagem;
  • o professor como facilitador e mediador do conhecimento;
  • a linguagem mais próxima dos alunos.

Porém, saber como aplicar estratégias de metodologia ativa na prática ainda é um desafio comum para os professores e coordenadores das mais diversas instituições de ensino.

Portanto, nosso objetivo com o artigo de hoje é facilitar esse processo para os docentes e gestores educacionais apresentando 8 estratégias de metodologia ativa que podem ser aplicadas nas Instituições de Ensino Superior (IES). Confira!

1. Gamificação

A gamificação é caracterizada pela utilização de elementos como jogos e desafios em situações de aula. Essa estratégia de metodologia ativa é utilizada, principalmente, para gerar maior engajamento e motivar a ação nos estudantes.

Na Educação a Distância (EaD), a gamificação traz ótimos resultados, uma vez que diversas avaliações podem ser realizadas via jogos e desafios.

2. Educação Maker

Essa estratégia de metodologia ativa foi criada a partir da cultura Maker, que acredita que todos podem construir e consertar seus próprios objetos. 

Fugindo dos padrões das aulas expositivas, o foco é “colocar a mão na massa”, uma vez que os alunos têm a oportunidade e os recursos necessários para desenvolver e testar novas ideias. 

A Educação Maker favorece o desenvolvimento das habilidades socioemocionais, as famosas soft skills. Entre as principais delas, podemos destacar a liderança e a criatividade.

O compartilhamento, a experimentação e o desenvolvimento de suas próprias ideias é o que faz os alunos se tornarem protagonistas do aprendizado, utilizando da transdisciplinaridade. 

Leia também: saiba o que é e como aplicar a Aprendizagem Ativa em sua IES

3. Aprendizagem Criativa

A Aprendizagem Criativa é baseada em 4 princípios: 

  • o projeto, que é a proposta de um desafio; 
  • a paixão, que é a  ideia de despertar a paixão pelo que se foi proposto; 
  • a parceria, que é a ajuda de pessoas de fora para auxiliar na resolução dos desafios; 
  • e o brincar, que é a experimentação do que foi executado, o colocar em prática.

Essa estratégia de metodologia ativa consiste em promover uma educação com mais significado, proporcionando ao estudante a oportunidade de aproveitar materiais diversos. A partir da prática, ele consegue dar forma e significado ao aprender.

4. Aprendizagem Baseada em Projetos

A metodologia de projetos, também conhecida como Aprendizagem Baseada em Projetos (do inglês, Problem-Based Learning – PBL), é uma proposta de ensino que acontece por meio de um longo trabalho investigativo, a partir de uma pergunta/desafio de alta complexidade.

Após a pergunta ser lançada aos alunos, é iniciado o trabalho de pesquisa e de formulação de hipóteses até as resoluções. O estudante precisa se esforçar para criar, explorar e testar as hipóteses a partir de sua própria vivência. 

5. Aprendizagem Baseada em Problemas

A Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) é uma estratégia de metodologia ativa que oferece ao aluno, além da aquisição de conhecimentos, o desenvolvimento de habilidades e competências, uma vez que, para solucionar o problema proposto, ele deve estar em integração com outros estudantes. Afinal, a construção de conhecimento acontece por meio de debates e júris, ou seja, discussões em grupo.

As principais vantagens da ABP são: 

  • estimulação da criatividade e do pensamento crítico;
  • promoção de conhecimento e motivação;
  • desenvolvimento de habilidades e competências.

6. Ensino Híbrido

O Ensino Híbrido, ou Blended Learning, utiliza o que há de melhor no ensino presencial e online para melhorar o ensino. O aluno se ocupa de atividades e aprendizagens com a liberdade e flexibilidade de ambiente.

Porém, muito se engana quem acredita que o ensino híbrido é apenas a inserção de atividades online nas disciplinas. É necessária uma mudança na organização da sala de aula, do tempo na instituição e do plano pedagógico.

Alguns dos métodos mais utilizados são: sala de aula invertida, rotação individual, rotação coletiva e rotação por estações.

7. Metodologia Ágil

A metodologia ágil foi criada como resposta aos métodos pesados para desenvolvimento de softwares, e é baseada em quatro pilares: 

  • indivíduos e interações mais que processos e ferramentas;
  • softwares em funcionamento mais que documentação abrangente;
  • colaboração com cliente mais que negociação de contrato; 
  • responder às mudanças mais do que seguir o plano.

A metodologia prevê o aluno como protagonista de seu aprendizado, dispondo de um ensino menos conteudista e mais prático.

8. Design Thinking

Por fim, dentre as estratégias de metodologia ativa que trouxemos para você, vamos falar sobre Design Thinking.

Essa metodologia é utilizada para a resolução de problemas, tendo como foco central as necessidades individuais. É dividida em cinco etapas: 

  1. descoberta;
  2. interpretação;
  3. ideação;
  4. experimentação;
  5. evolução. 

Nas duas primeiras etapas (descoberta e interpretação), os desafios são construídos para que, na fase de ideação, as ideias surjam. Essas ideias tomarão formas na quarta fase (experimentação) e, na última fase, é feito o desenvolvimento do trabalho.

Já está pensando em quais estratégias de metodologia ativa você irá aplicar em sua IES? Compartilhe com a gente aqui nos comentários e aproveite para conferir também o nosso artigo com as ferramentas que podem te ajudar nesse processo!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *