A importância da integração tecnológica na IES para a experiência do estudante

A integração entre as plataformas utilizadas na IES é fundamental para garantir uma melhor experiência para docentes e alunos no processo de ensino-aprendizagem. Saiba mais neste artigo da Tássia Affonso, Product Manager na Saraiva Educação.
Integração tecnológica na IES: fotografia de uma estudante à frente de um computador.

Se por um lado o contexto de pandemia acelerou algumas demandas, podemos dizer que com certeza também criou novas. Na educação, a integração tecnológica não foi uma demanda criada, mas sim acelerada, como alguns estudiosos apontam. 

Fato é que muitas instituições não estavam preparadas para absorver essa demanda neste cenário, mas é importante entender como driblar esses desafios para oferecer uma melhor experiência ao estudante.

A intermediação do ensino por tecnologias pode ser muito benéfica se bem aproveitada e vamos aqui falar sobre dicas para a otimização  desse trabalho de integração para a experiência do estudante, e a importância de olhar para o desempenho tecnológico e a integração das plataformas como um aliado do professor e da instituição. Vamos lá?

A importância de a IES contar com tecnologia de qualidade e um bom suporte tecnológico

Mais do que as diversas nomenclaturas de ensino, fato é que o uso de tecnologias passou a não ser escolha. A pandemia obrigou as instituições de ensino a enfrentarem os desafios da aprendizagem mais cedo. Mas, assim como trouxe desafios, também trouxe novas oportunidades. 

Hoje muito se fala na educação ou ensino intermediado pela tecnologia, por isso a importância de a IES contar com tecnologia de qualidade e um bom suporte tecnológico começa a ser pauta neste novo cenário emergente.

Vale ressaltar que quando falamos em tecnologia, não precisamos pensar muito longe. Inteligência artificial, ambientes simuladores e gamificação, por exemplo, permitem um benefício expandido da tecnologia, mas o próprio Ambiente Virtual de Aprendizagem da instituição é também uma tecnologia. 

De um modo mais amplo, toda e qualquer tecnologia da informação e comunicação – as chamadas TICs –  podem ser utilizadas no processo de ensino-aprendizagem como aliadas.

Dentro e fora da educação, será cada vez mais difícil encontrar um ambiente que não use soluções tecnológicas em seus processos.  Para que essas ferramentas funcionem bem e os investimentos na área não sejam perdidos, é importante contar com tecnologia de qualidade e um bom suporte tecnológico. 

Isso não só assegura a disponibilidade, estabilidade e atualização da solução, como também garante apoio à proteção de dados, atendimento a chamados solucionando dúvidas e problemas e correção de problemas – evitando erros que comprometam a utilização, o desempenho e os resultados.

Como funcionam as integrações entre as plataformas?

Um ponto interessante para o uso de tecnologias é a integração de plataformas. Esse assunto pode ser pensado dentro da instituição de forma estratégica, garantindo vários benefícios para professores e alunos. 

Sabemos que há uma lacuna tecnológica emergente a ser preenchida, e quanto maior o número de plataformas diferentes, com regras e interações diferentes, maior será a dificuldade em lidar com todas elas. 

A integração entre plataformas vem para driblar esse desafio, uma vez que permite que um ambiente seja entendido como extensão do anterior e não como plataformas totalmente diferentes.

Uma instituição pode possuir diversas ferramentas integradas à seu AVA, por exemplo, de modo que se expanda as possibilidades do AVA, tanto para professores quanto para alunos, como também permite que a instituição e usuários gerenciem menor número de logins e acessos. 

A experiência também é mais fluida, uma vez que há transitoriedade entre as ferramentas. Na prática, plataformas integradas permitem o acesso uma dentro da outra, de modo que não seja necessário possuir dois acessos distintos para se acessar uma, e depois, em outro ambiente, outra. 

As plataformas integradas podem compartilhar todos ou quase todos os dados, a depender da integração – e também trocar informações entre si.

Integração entre plataformas: benefícios para os alunos

  • Maior possibilidades de conteúdos e interações diferentes de uma forma fluida: a experiência é mais fluida, uma vez que há transitoriedade entre as ferramentas.
  • Menor gerenciamento de acessos (logins): não é necessário possuir dois acessos distintos para se acessar uma, e depois, em outro ambiente, outra.
  • Experiência única e compartilhada: permite que um ambiente seja entendido como extensão do anterior e não como plataformas totalmente diferentes.

Integração entre plataformas: benefícios para os professores

  • Aumento da interatividade e engajamento dos alunos
  • Preserva autonomia do professor ao mesmo tempo que expande possibilidades
  • Centralização de diferentes recursos para o professor
  • Facilita a transitoriedade entre plataformas: sabemos que há uma lacuna tecnológica emergente a ser preenchida, e quanto maior o número de plataformas diferentes, com regras e interações diferentes, maior será a dificuldade em lidar com todas elas.

O novo perfil de aluno, além de possuir maior facilidade e adaptabilidade a diferentes tecnologias, agora busca ambientes mais dinâmicos e interativos. 

A integração entre plataformas, ao mesmo tempo que amplia as possibilidades de interação, ajuda a otimizar o engajamento dos alunos e do professores. 

Hoje, diversas soluções no mercado oferecem a possibilidade de integração com outros sistemas, principalmente com o Ambiente Virtual de Aprendizagem da instituições.

E aí, gostou desse conteúdo? Aproveite para conferir também o nosso artigo sobre a solução Disciplinas Online Saraiva (DONS)!

Você também pode gostar

Curso de Direito EaD?
A Saraiva Educação preparou várias trilhas de aprendizado explicar como implementar na sua IES.

Artigos em destaque

Inscreva-se em nossa newsletter e receba nossos conteúdos em primeira mão!

Deseja manter-se sempre atualizado? Receba quinzenalmente uma seleção de materiais sobre a educação superior — é só informar seu melhor endereço de e-mail!