Matéria online em curso presencial: fotografia de uma estudante assistindo uma aula online.

Como funciona a matéria online em curso presencial?

A Portaria nº 2.117, de 6 de dezembro de 2019 dispõe sobre a oferta de carga horária na modalidade de Ensino a Distância (EaD) em cursos de graduação presenciais. No documento, o Ministério da Educação (MEC) autoriza as IES a introduzir a oferta de disciplinas online até o limite de 40% da carga horária total do curso

Com isso, o debate acerca do uso da tecnologia aliada às práticas de ensino se fez necessário para as instituições de educação superior (IES), para alunos e professores. As ferramentas tecnológicas possibilitam uma educação mais acessível e eficaz, entretanto, exigem capacitação e adaptação da comunidade acadêmica. 

Pensando nisso, preparamos este artigo para explicar como funciona a matéria online em curso presencial, quais são as determinações do MEC e os benefícios que ela proporciona. Confira!

Qual é a carga horária permitida para matérias online em cursos presenciais?

A partir da Portaria nº 2.117/19 o Ministério da Educação estabeleceu algumas orientações acerca da oferta de disciplinas online que se aplicam também ao curso de Direito. 

Carga horária

As IES poderão introduzir a oferta de carga horária na modalidade de EaD na organização pedagógica e curricular de seus cursos de graduação presenciais, até o limite de 40% da carga horária total do curso.

Para tanto, os seguintes requisitos devem ser atendidos: 

  1. O Projeto Pedagógico do Curso – PPC deve apresentar claramente, na matriz curricular, o percentual de carga horária a distância e indicar as metodologias a serem utilizadas;
  2. A introdução das disciplinas online deve observar as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) do curso de graduação superior;
  3. As universidades e os centros universitários devem registrar o percentual de oferta de carga horária a distância no momento da informação de criação de seus cursos à Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do Ministério da Educação ( SERES-MEC);
  4.  A oferta das disciplinas online deverá incluir métodos e práticas de ensino-aprendizagem que incorporem o uso integrado de Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs), material didático específico, tutores e profissionais da educação com formação e qualificação em nível compatível com o previsto no PPC e no plano de ensino da disciplina.

Como funcionam as disciplinas online em cursos presenciais?

A matéria online em curso presencial é feita a distância pelo corpo discente. Para tanto, a IES deve disponibilizar uma plataforma responsável por armazenar e ofertar acesso às aulas e atividades, tanto para disciplinas 100% online quanto para aquelas que são híbridas. 

É importante que a instituição concentre todos os conteúdos online em uma mesma plataforma, fazendo com que a acessibilidade seja facilitada. Ainda, o ambiente deve apresentar: 

  • aulas assíncronas;
  • conteúdos multimídia; 
  • conteúdos complementares; 
  • atividades avaliativas, entre outros. 

Quanto maior for o número de conteúdos e formatos apresentados aos alunos, maiores são as chances de o aprendizado se concretizar. Além disso, é necessário se atentar à qualidade e à atualização dos materiais disponibilizados.

Leia também: Saiba como fazer avaliação no ensino a distância, possibilidades e desafios

Quais são as vantagens de contar com matérias online em cursos presenciais?

A seguir, listamos os principais benefícios de ofertar disciplinas híbridas ou matérias online em curso presencial. Confira! 

1. Redução de custos 

Ao implantar a disciplina híbrida ou matéria online em curso presencial, a IES reduz as despesas geradas pela presença dos estudantes no espaço físico da instituição. Tal economia pode ser revertida, então, em melhorias para a educação dos alunos, como: aquisição de materiais atualizados,  ampliação da biblioteca da IES, capacitação dos docentes, investimento em soluções tecnológicas de qualidade, entre outros. 

Além disso, o estudante também reduz os custos com transporte e pode investir o valor em sua própria educação.

2. Aplicação de metodologias ativas

As metodologias ativas objetivam transformar o modelo expositivo clássico de aula. O aluno se torna parte central, integrante ativa do seu processo de aprendizagem. 

Ainda, o uso de metodologias ativas gera maior autonomia para o estudante e apresenta situações práticas essenciais à sua formação. Transformar o aluno em protagonista na sua própria educação gera engajamento e uma postura mais ativa em relação ao aprendizado. 

Além disso, as metodologias ativas promovem o incentivo de características como proatividade, colaboração, pensamento interdisciplinar e resolução de problemas, valores elementares à formação dos alunos e à futura ocupação profissional. 

3. Utilização de conteúdos multimídia

Multimídia é o agrupamento dos variados meios de comunicação, incluindo recursos digitais como gráficos, imagens, áudios, vídeos e animações que objetivam a transmissão de informações.

Considerando-se que alguns alunos possuem maior facilidade em fixar o conteúdo apresentado por meio de imagens, outros por leitura e outros por áudio, a utilização de conteúdos multimídia se apresenta como uma boa solução para contemplar todos os tipos de aprendizagem na educação superior. 

Dessa forma, disciplinas consideradas massantes e extensas dentro da graduação se tornam mais atrativas para os estudantes, o que constitui um importante recurso didático para expor assuntos relevantes. Além disso, o Ministério da Educação incentiva a utilização de ferramentas tecnológicas levando em conta sua praticidade e inovação na educação superior.  

Leia também: Saiba o que é e como desenvolver a rotação por estações no ensino superior

Como desenvolver matérias online em cursos presenciais?

Conforme demonstrado, as vantagens de contar com disciplinas com conteúdos online nos cursos presenciais são inúmeras. Assim, separamos algumas dicas de como facilitar a implementação delas na instituição de educação superior. Veja! 

1. Opte por conteúdos modularizados

Cada docente da IES possui demandas e metodologias de ensino distintas para apresentar as disciplinas. Assim, é importante que os conteúdos disponibilizados na plataforma sejam modularizados, garantindo a autonomia e criatividade dos professores. 

2. Forneça materiais de qualidade e atualizados 

A qualidade dos materiais apresentados aos alunos definirá a qualidade do ensino da disciplina e da própria IES. Assim, as aulas, vídeos e atividades deverão ter qualidade atestada e estarem em constante atualização. 

3. Invista em uma solução digital 

Por fim, é importante que a IES invista em uma solução digital que forneça conteúdos, aulas e suporte para as disciplinas em ambiente virtual. Desse modo, a implementação se torna mais fácil e demanda um gasto menor para a instituição.

Esperamos que este artigo tenha tirado todas as dúvidas acerca do funcionamento da matéria online em curso presencial e que auxilie  a IES na implementação. Agora, que tal conferir também o nosso artigo sobre autorização do MEC para cursos a distância?

 

1 responder
  1. black friday meuble
    black friday meuble says:

    Voce sabe como funcionam as materias de Nutricao EAD? Esse e um curso da area de saude oferecid o de maneira presencial e semipresencial. No segundo caso, mesmo que voce tenha que ir ao polo alguns dias da semana, isso e consideravelmente reduzido em relacao a graduacao presencial.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *