#TôComASaraivaEducação 08: UniOpet

Maior engajamento dos alunos e auxílio na captação de estudantes: saiba como a parceria entre a UniOpet e a Saraiva Educação trouxe diversos benefícios para a IES!
Imagem com a escrita em destaque: #TôComASaraivaEducação - 8. Case UniOpet

O centro universitário UniOpet está localizado em Curitiba, no Paraná. A instituição oferece cursos de bacharelado, licenciatura, tecnólogos, especialização e MBA nas áreas de Educação, Engenharia e Arquitetura, Saúde e Bem-Estar, Gestão e Negócios, Comunicação e Marketing, Tecnologia da Informação e Inovação. 

Todos eles possuem metodologias inovadoras e uma formação diferenciada, com o equilíbrio entre a prática e a teoria, estrategicamente voltados às necessidades do mercado de trabalho. 

Continue a leitura deste artigo para conhecer mais sobre a instituição de educação superior (IES) e saber como a parceria com a Saraiva Educação colaborou para melhorias de ensino do UniOpet!

Conheça o UniOpet

O UniOpet faz parte do Grupo Educacional Opet, fundado em 1973. É formado por seu colégio, cursos de graduação, pós-graduação, escola de cursos técnicos e uma editora. Desde a sua fundação, o grupo já formou mais de 100 mil alunos.

O centro universitário atua nas três modalidades de ensino: presencial, semipresencial e EaD. Sua inovação e conexão com o atual mercado de trabalho atende às necessidades dos seus mais de 5 mil discentes que buscam mobilidade e flexibilidade entre trabalho e estudos. 

O curso de Direito foi ofertado a partir de 2005 e atende em torno de 700 alunos que moram na região metropolitana da cidade, entre os turnos diurno e noturno. 

Dirceu Pertuzatti é o atual coordenador do curso de Direito e Mario Hodun é responsável pelas bibliotecas do UniOpet. 

Pertuzatti é advogado, possui 30 anos de experiência jurídica e é mestre em Ciência Jurídica. Tem especialização em Direito do Trabalho, Empresarial e Escola da Magistratura. Também foi juiz instrutor durante muito tempo. Há 19 anos está no exercício da docência, atuando em outras instituições superiores. Entrou no UniOpet em 2014 e em 2018 assumiu a Coordenação do Núcleo de Prática Jurídica (NPJ). Exerce também a função de professor nas disciplinas de Direito Econômico, Direito Empresarial  e Prática Processual Cível.

Já Mario Hodun entrou na instituição em 1994. Além do curso de Biblioteconomia, também é formado em Ciências Contábeis, mas prefere os livros aos números e se sente mais feliz na área. 

Agora que você já conhece um pouco sobre a instituição, acompanhe o surgimento dessa parceria de sucesso!

Parceria UniOpet e Saraiva Educação

Hodun relata que o curso de Direito tinha uma biblioteca própria e contava com assinaturas de revistas físicas, mas apresentava uma forte demanda por um bom acervo aos alunos. Assim, em determinado momento, a instituição resolveu buscar algumas opções no mercado. 

“Já tínhamos uma biblioteca enorme no começo e com um acervo de livros muito bom, mas a demanda de obras sempre tinha uma lista de espera. Por isso, buscamos fazer novas parcerias e usar as novas tecnologias”

O curso de Direito tem uma base totalmente voltada à leitura. “Não existe outra forma do aluno aprender. Ele tem que ler. A biblioteca é o centro do conhecimento nesse sentido. Os professores dão o direcionamento e os livros mostram os vários caminhos”, complementa Hodun. 

O coordenador conheceu a Saraiva Educação enquanto professor e seu contato ocorreu com um representante que fazia visitas às instituições apresentando os serviços da Saraiva, livros e autores.

Biblioteca Digital Saraiva

Por questão de espaço, verba e outros aspectos, Hodun esclarece que não era possível comprar mais edições para a biblioteca física da instituição. Dessa maneira, o acervo precisou crescer com base em novos projetos da faculdade. 

Logo, o curso de Direito foi remodelado e, gradualmente, passou a utilizar outras bases de dados e informações, como é o caso da Biblioteca Digital Saraiva (BDS), para ofertar aos seus discentes.  

A princípio, o uso da biblioteca digital não reduziu o fluxo do acervo físico. Mario Hodun comenta que os alunos gostavam de estar no espaço. Contudo, ele acrescenta que o uso da BDS reduziu perguntas como: “por que não temos determinado livro?”. 

Com a atualização constante na base da biblioteca digital, sempre são adicionadas novas obras. Nesse sentido, o número de opções cresce bastante e traz também muita facilidade.

“Ao procurar alguma referência, o aluno recebe um retorno muito rápido e com muita variedade. Às vezes, na biblioteca física, a resposta não é aquela que o aluno precisa”, diz Hodun.    

O coordenador complementa a fala de Hodun, dizendo que “a biblioteca digital permitiu maior acesso aos alunos e ajudou muito os professores, que passaram a ter livros atualizados a cada semestre para oferecer suas aulas. É possível fazer um melhor planejamento, utilizando o livro completo ou os seus capítulos, sempre vinculando os livros às aulas”. 

Como professor, Pertuzatti dá o exemplo de que também utiliza a acessibilidade dessa ferramenta em sala de aula. Ele solicita que os alunos conectem seus smartphones ou computadores na internet e acessem os livros da Saraiva Educação. “Já pesquisei um termo do Direito Econômico e a plataforma me retornou 19 livros. Alguns não abordariam o termo tão diretamente, mas a maioria sim. Isso é fantástico!”.

Fora as vantagens para alunos e professores, o UniOpet também tem um retorno positivo com a divulgação do seu comercial em relação à BDS. Hodun comenta que “é só falar que nós temos os livros da Saraiva que o retorno é muito bom! A Saraiva é um nome forte no mercado, todo mundo conhece. Isso é um ponto do marketing que utilizamos como diferencial para captar alunos”. 

A importância de soluções digitais na IES

Ao longo dos 19 anos de experiência acadêmica, o coordenador conta que acompanha a transformação do curso de Direito. Antes, o curso era mais tradicional, com acesso apenas a livros físicos. Hoje, é possível desenvolver até 40% da carga horária de Direito na Educação a Distância (EaD) 

“No atual contexto, o MEC permite que muitas faculdades façam seu curso 100% EaD. A reclamação da OAB não é contra a EaD, mas quanto à falta de atualização, à utilização de materiais que já estão ultrapassados e o cuidado com a qualidade na educação. Paralelamente a isso, também utilizamos as metodologias ativas, fazendo com que o aluno seja integrante e participativo nas aulas. Oferecendo maior acesso aos livros, a aprendizagem se torna algo mais fácil e corrobora no sentido do crescimento dos alunos e, consequentemente, da IES”. 

Para Mario Hodun, “as tecnologias vieram para ficar e agregar. A pandemia acelerou esse processo e as mudanças aconteceram. Às vezes acertamos e outras erramos e, assim, vamos aprendendo”. 

Quer melhorar o acervo da sua IES e captar mais alunos como o UniOpet? Clique aqui e fale com um de nossos especialistas para conhecer as soluções da Saraiva Educação!

Você também pode gostar

Curso de Direito EaD?
A Saraiva Educação preparou várias trilhas de aprendizado explicar como implementar na sua IES.

Artigos em destaque

Inscreva-se em nossa newsletter e receba nossos conteúdos em primeira mão!

Deseja manter-se sempre atualizado? Receba quinzenalmente uma seleção de materiais sobre a educação superior — é só informar seu melhor endereço de e-mail!