5 tecnologias que vão continuar transformando o ensino superior

Tecnologias que vão transformar o ensino superior: fotografia com foco na tela de um notebook com uma professora dando aula online.
A tecnologia no ensino superior chegou para ficar. Conheça as principais e qual o principal impacto da transformação digital na educação.

Compartilhe este artigo

Não é novidade pra ninguém que a tecnologia tem dominado diversas áreas e, na educação, isso não seria diferente. No ensino superior, as tecnologias são das mais variadas e trazem recursos especiais para o aprendizado, como interagir com alunos e até ter uma aula mais dinâmica.

De acordo com uma pesquisa realizada pela D2L, player global de aprendizagem, com mais de 4.830 diretores de instituições de educação superior em todo o mundo, mostra que, no Brasil, o destaque é para a perspectiva positiva da capitalização dessa transformação, com mais de 90% das instituições entendendo que a tecnologia melhora a qualidade do ensino. 

Na América Latina, o estudo contou com a participação de profissionais do Brasil, México e Colômbia, sendo 474 profissionais brasileiros. Já 68% deles falaram sobre como o modelo híbrido oferece benefícios superiores em relação ao ensino presencial; e 90% afirmam que a tecnologia é mais positiva após a crise que a pandemia causou.

Ainda de acordo com o estudo, a transformação digital no Brasil parece estar misturada, já que 62% acredita que a introdução de novos conteúdos oferece uma experiência mais envolvente a cada aluno. Enquanto isso, 57% acredita que existe a necessidade de novas tecnologias para melhorar a aprendizagem digital.

O impacto da tecnologia no ensino superior 

As tecnologias na educação já proporcionaram novas tendências pedagógicas e seguem revolucionando a forma de ensino em diversos lugares, inclusive no Brasil. Quando pensamos em ensino superior, o destaque é maior, pois é possível fazer graduação e pós-graduação usando a conexão da internet e um computador – e isso é o que tem transformado a realidade de diversos estudantes.

Esse fator favorece diversas pessoas que precisam conciliar o estudo com trabalho, filhos, distância até a instituição e entre tantas outras limitações. Antes das novas tecnologias, essas pessoas não conseguiam alcançar o diploma ou certificação e, com os recursos tecnológicos, já é possível estudar de qualquer lugar.

5 tecnologias que vão continuar transformando o ensino superior

A tecnologia na educação está dentro e fora da sala de aula e, a cada dia, uma nova ferramenta digital chega para mudar ainda mais a forma de aprendizado. Pensando nisso, trouxemos algumas tecnologias que já estão no dia a dia do ensino superior e tendem a continuar na rotina das instituições.

1. Ambiente virtual para aprendizagem

Com a chegada da pandemia, o ambiente virtual de ensino já tem sido algo que as instituições implementaram. Nessa plataforma, é possível acessar de qualquer lugar os módulos, aulas gravadas, exercícios e material didático do curso. 

Não é necessário conhecer muito de tecnologia para usar o canal, pois é tudo muito simples para conseguir acompanhar o curso com tranquilidade. Por isso, é importante manter o ambiente virtual com acessibilidade e facilidade para conseguir usar.

2. Realidade virtual

Com a realidade virtual, é possível conhecer o mundo ou até ter uma experiência futurista sem nem sair de casa. Basta colocar uns óculos especiais com softwares ou equipamentos específicos para ser “levado” a outro ambiente. Dessa forma, é possível conhecer museus de diferentes países, por exemplo, e ter uma experiência — quase — completa.

Disponibilizar essa tecnologia aos estudantes é uma maneira de fazer com que eles explorem objetos e até consigam construir maquetes em 3D, além de ser uma ferramenta que deixa o momento de aprendizado mais prazeroso, permitindo uma interação maior do aluno.

3. Aposte em gamificação

Quem não quer jogar videogame e avançar as fases, sempre superando os desafios que foram propostos durante o jogo? A gamificação tem um modelo interativo de ensinar com regras, lógica e um design de jogos. Nessas plataformas, é necessário solucionar problemas ou responder questões para conseguir avançar, trazendo uma experiência mais dinâmica, além de motivar ainda mais a aprendizagem.

4. Transmissão de aulas ao vivo

Dentre as tecnologias, a transmissão de aulas ao vivo é uma das coisas que veio para ficar. Assim, é possível acompanhar as aulas e interagir com professor e colegas de classe, mesmo que não estejam no mesmo local. Isso, além de possibilitar a liberdade geográfica, também dá chance de conhecer novas pessoas e culturas sem precisar sair da cidade natal.

Leia também: conheça 10 ferramentas para dar aula online

5. Tablet computing

Utilizar tablets em aulas tem crescido ano após ano, pois, além da praticidade, por eles é possível acessar internet, compartilhar materiais e armazenar diversos aplicativos para conseguir ter um aprendizado mais personalizado. Algumas instituições já têm oferecido aparelhos para as aulas presenciais — tanto para professores como para estudantes.

Introduzir a tecnologia no ensino superior ainda é algo desafiador para algumas instituições, mas a cada dia tem se tornado mais necessário e só assim será possível alcançar ainda mais pessoas.

Este artigo foi produzido pela equipe do Blog Portal Pós.

Artigos Relacionados