#TôComASaraivaEducação 07: UniDrummond

A UniDrummond compartilhou com a gente os resultados positivos que alcançou com a implementação da Biblioteca Digital Saraiva. Conheça a história dessa parceria de sucesso no artigo de hoje!
Imagem com a escrita em destaque: #TôComASaraivaEducação - 7. Case UniDrummond

O Centro Universitário Carlos Drummond de Andrade está localizado na região leste de São Paulo e possui os campi Neo Química Arena, Penha, Ponte Rasa, Tatuapé e Vila Formosa. 

Ao todo, a instituição oferece mais de 50 cursos em todas as áreas do conhecimento. Entre eles estão os cursos de bacharelado em Administração, Ciências Contábeis, Direito e Sistemas de Informação. 

As licenciaturas são em Educação Física, Matemática, Letras (português/inglês) e Pedagogia. Os tecnólogos ofertados incluem Comércio Exterior, Design Gráfico, Design de Moda, Gestão Financeira, Gestão Hospitalar, Marketing, Produção Publicitária e Tecnólogo em Futebol, único e exclusivo ofertado no Estado de São Paulo no campus Neo Química Arena. 

Continue a leitura para saber mais sobre a UniDrummond e a parceria de sucesso feita com a Saraiva Educação!

Conheça a UniDrummond

A UniDrummond pertence ao Grupo Educacional Drummond, que possui 50 anos de tradição. O grupo é referência em ensino, pesquisa e extensão na Cidade de São Paulo e atua desde a educação infantil até a pós-graduação. 

O Centro Universitário possui conceito máximo em excelência, atribuído pelo Ministério da Educação (MEC). Com nota 5, a instituição possui infraestrutura moderna e professores mestres e doutores que preparam os alunos para uma carreira de sucesso no mercado de trabalho.

O Campus Neo Química Arena é o destaque da instituição, sendo o 1º na América Latina dentro de uma arena de futebol. Inclusive, várias personalidades da área são ex-alunos, o que demonstra a vocação voltada para o esporte. 

Quem conta todos os detalhes é a gestora do Sistema de Bibliotecas do Grupo Drummond, Kelli Helena Santos da Silva, que está na gestão das 4 bibliotecas do Grupo desde 2010.

Leia também: Saiba como fazer a gestão de bibliotecas digitais

A bibliotecária diz gostar muito de atuar na instituição, pois exerce seu trabalho com total liberdade para expor ideias, trazer sugestões e buscar inovações. Além disso, seu trabalho é desenvolvido em conjunto com diretores, coordenadores, professores e alunos.  

A UniDrummond é uma instituição muito forte no mercado e possui um viés social. Assim, a instituição de educação superior (IES) se preocupa com as questões ambientais e com a formação dos jovens de baixa renda.

Entenda a parceria entre a UniDrummond e a Saraiva Educação

Um dos motivos da entrada da bibliotecária na instituição foi para ajudar no reconhecimento da primeira turma do curso de Direito, em 2011. Na época, o curso não contava com acervo físico nem digital. 

Sua responsabilidade foi construir um acervo do zero. Assim, Kelli Helena pôde participar de todo o processo da parceria com a Saraiva: agendamento, degustação, decisão e contratação. 

Atendimento da Saraiva Educação

Em relação ao time de sucesso do cliente da Saraiva Educação, Kelli afirma que “sempre recebe todo o suporte no que precisa e que isso não ocorre somente no relacionamento comercial e financeiro”. 

A bibliotecária complementa que “isso ocorre desde 2011. A Saraiva sempre esteve presente nas aulas inaugurais do curso de Direito, na semana jurídica, com o apoio de palestrantes e sorteio de Vade Mecum”.

Implementação da Biblioteca Digital Saraiva

Como o curso de Direito não possuía nenhum acervo, a instituição realizou a construção do acervo físico em primeiro lugar. Em seguida, fez a parceria com a Biblioteca Digital Saraiva (BDS).  

A aquisição dessa tecnologia auxiliou no reconhecimento do curso de Direito e ainda demonstra ser um grande diferencial para a UniDrummond. 

Leia também: Saiba quais são os critérios analisados na avaliação de bibliotecas pelo MEC

Para diminuir as resistências com o uso da biblioteca digital, a instituição conversou diretamente com seus professores. Foi a partir deles que o uso da plataforma aconteceu. Além dos treinamentos, foi solicitado aos docentes que incluíssem as obras da BDS na construção do plano de ensino e no desenvolvimento dos cursos.

Kelli também relata que, antes da BDS, existiram episódios em que os alunos do turno da manhã escondiam os livros na biblioteca quando solicitavam o empréstimo acima do total de livros, para depois pegá-los. Nisso, muitos alunos do noturno nem sequer encontravam o Vade Mecum na estante. 

“Com a BDS isso não acontece. Hoje, eles conseguem inclusive trabalhar entre eles e o professor também acompanha o que os estudantes estão fazendo. Estamos dando prosseguimento em tudo, pois não sabemos o que seria com essa pandemia se não fosse a biblioteca digital”, diz.  

Consequentemente, além de atender com mais agilidade, a instituição ampliou a possibilidade de os alunos navegarem em mais de uma obra, ao contrário dos livros impressos que possuem uma limitação de empréstimos.  

Benefícios da BDS

A bibliotecária elenca muitas vantagens encontradas no uso da Biblioteca Digital Saraiva na UniDrummond, além da própria facilidade de navegação e das diversas funcionalidades da plataforma, como a busca dinâmica, o uso de marcadores, o manuseio das páginas etc. 

O primeiro benefício se relaciona a uma das cinco leis da biblioteconomia: poupar o tempo do leitor. Para Kelli “Isso na BDS é fantástico! Ainda mais com a integração com o nosso sistema que gerencia o catálogo da biblioteca. Com a biblioteca digital, o aluno consegue encontrar os livros para estudar até pelo celular, seja no horário do almoço, no trajeto do trabalho para a faculdade ou vice-versa”.   

  Outra vantagem é a atualização das obras. Isso é visível nas áreas de Direito e Tecnologia. “No caso da UniDrummond, o curso de Direito é oferecido em 3 campus. Então, seria necessário comprar diversos exemplares para cada livro físico. Essa é uma vantagem não só em relação ao quesito financeiro, mas também se trata de uma questão de sustentabilidade”. 

O ganho do espaço físico também trouxe novas iniciativas para a instituição. “Hoje usamos o antigo espaço usado para acondicionar os livros para que nossos estudantes realizem saraus, concertos musicais, exposições, até para o uso de coworking”, complementa. 

Saiba como foi a implementação de soluções digitais na IES 

A instituição foi uma das primeiras a usar a tecnologia na região e, atualmente, faz parte da Comissão de Bibliotecas Brasileiras Universitárias, com participação de bibliotecas de países vizinhos, como Bolívia, Venezuela e Equador. Constantemente, são trocadas informações sobre tecnologia, novas bases de dados e informação, acesso aberto, etc.

Assim, Kelli diz que “Não é possível imaginar a tecnologia fora da educação. Elas caminham juntas”. E vai mais além quanto aos profissionais e alunos, relatando que “a função do coordenador, professor e bibliotecário não deixará de existir. Isso só irá acontecer se persistir a maneira tradicional de ensino. Com o ensino híbrido, o aluno tem facilidade para estudar de casa, continuar sua rotina de estudos, escrever seu artigo, pesquisar e concluir seu projeto”, finaliza.   

Que tal implementar a Biblioteca Digital Saraiva e, assim como a UniDrummond, transformar o ensino da sua instituição? Clique aqui e fale com um de nossos especialistas!

Você também pode gostar

Curso de Direito EaD?
A Saraiva Educação preparou várias trilhas de aprendizado explicar como implementar na sua IES.

Artigos em destaque

Inscreva-se em nossa newsletter e receba nossos conteúdos em primeira mão!

Deseja manter-se sempre atualizado? Receba quinzenalmente uma seleção de materiais sobre a educação superior — é só informar seu melhor endereço de e-mail!

[KIT GRATUITO]

Advogado do futuro: dicas para preparar os estudantes de sua IES

Em comemoração ao Dia do Advogado, criamos um kit de materiais gratuitos com os nossos principais conteúdos para que a sua IES apoie os advogados em formação.